Estreias de 2015

Neste primeiro artigo de 2015, escrevo sobre dois primeiros acontecimentos relacionadas com fotografia neste ano: a primeira exposição que vi e o primeiro livro que comprei.

Curiosamente foi preciso sair de Lisboa para ver a primeira exposição que realmente me suscitou interesse este ano (apesar de ter sido inaugurada ainda em 2014). Trata-se de “Esta terra é a tua terra – os anos 90 em Portugal, na Colecção dos Encontros de Fotografia“, no CAV em Coimbra. Com curadoria de Sérgio Mah, é uma compilação de obras da Colecção dos Encontros de Fotografia, sobre vários temas relacionados com o Portugal dos anos 90 realizadas sob encomenda nessa mesma década.

A visita a esta exposição deixou-me duplamente surpreendido: pela qualidade dos trabalhos apresentados e por ter ficado a saber que, nos anos 90, Coimbra representava um importante pólo da fotografia nacional.

No que toca à qualidade, seria difícil falhar tendo em conta os autores: António Júlio Duarte, Cristina Garcia Rodero, Christophe Bourguedieu, Daniel Schwartz, Debbie Flemming Caffery, Duarte Belo, Frédéric Bellay, Gabriele Basilico, Hugues de Wurstemberger, John Davies, José Manuel Rodrigues, Larry Fink, Mark Klett, Nuno Cera e Paulo Nozolino.

 

Cristina Garcia Rodero - Açores

© Cristina Garcia Rodero – Debaixo da Magnólia, São Miguel, 1996, Colecção Encontros de Fotografia
A fotógrafa espanhola foi sem dúvida um dos nomes-chamariz desta exposição.

 

Mais surpeendente foi a dupla viagem ao passado que estes trabalhos evocaram. Começando pelo mais óbvio, é interessante observar fotografias que contêm uma componente histórica mas, dada as poucas décadas de distância, ainda nos despertam um sentimento de familiaridade. A outra viagem ao passado prende-se com a sensação de dinamismo da produção de fotografia em Portugal aparente nessa década (e em particular a vivacidade cultural na cidade de Coimbra), algo invejável quando comparado com o árido e tendencialmente elitista panorama fotográfico nacional em que vivemos actualmente.

 

John Davies - Expo 98

Uma das obras que mais gostei foi a de John Davies que registou a construcção da Expo 98. É daqueles trabalhos que, pela proximidade geográfica e por me identificar com o estilo de fotografia, me fez perguntar num primeiro instante “porque é que eu não pensei nisto?” para em seguida constatar que em 1998 com apenas 17 anos estava longe de sequer suspeitar que alguma vez me iria interessar por fotografia.

 

No final da exposição, e porque o meu formato de eleição para apreciar fotografia é o livro, precipitei-me para a selecção de alguns catálogos que se encontravam no balcão de entrada. Já disposto a arrecadar alguns exemplares, sou informado que infelizmente apenas estava disponível para venda o livro “SUL” da edição dos Encontros de Fotografia de 1997. Por sorte, este catálogo é também aquele que julgo reunir a maioria dos trabalhos expostos, pelo que é também uma boa oportunidade de apreciar parte da exposição para quem não teve oportunidade de a visitar (terminou no passado dia 8 de Fevereiro).

Feitas as contas, fiquei satisfeito com esta exposição. O facto de ter saído de lá com um livro, influenciou bastante esta minha satisfação. Depois disto, resta-me ser paciente e aguardar um próximo evento relevante a nível de fotografia, parece que em Abril algo vai acontecer na Cordoaria Nacional…

---

Sobre contextofotografico

Falar a apreciar fotografia em português.
Esta entrada foi publicada em exposições, fotógrafos estrangeiros, fotógrafos portugueses, Livros com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s