Mundo Rural Contaminado

Vida no Campo - Álvaro Domingues

Chegou-me hoje às mãos o livro “Vida no Campo” de Álvaro Domingues, fruto de 448 subscrições online que tornaram possível a sua publicação pela Dafne Editora.

dedicatória

A prometida dedicatória aos subscritores.

Este é o segundo livro de uma trilogia que expõe a esquizofrenia visível na actual paisagem rural. Através de fotografias “cruas” – o seu objectivo é documentar, não há aqui pretensões de virtuosismo técnico ou artístico – é-nos apresentado um inventário de paisagens grotescas: a poluição rural pelo betão, publicidade parasitária, mobiliário urbano descontextualizado, sinalética intrusiva, simples desleixo e/ou mau-gosto com um cunho trágico-humorístico acentuado pelo famoso “desenrascanço” à portuguesa.

Vida no Campo - Álvaro Domingues

Apesar de aparentemente não existirem neste trabalho intenções técnico-artísticas, há imagens que se destacam.

Vida no Campo - Álvaro Domingues

Claro exemplo do tão português “desenrascanço”.

Pode ser difícil classificar Álvaro Domingues como um fotógrafo per se (oficialmente é geógrafo e professor na faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto) mas isso é irrelevante: este é um dos trabalhos mais objectivos e sólidos no actual panorama fotográfico português.

Vida no Campo - Álvaro Domingues

O “bom-gosto” decorativo.

Vida no Campo - Álvaro Domingues

Um exemplo da nossa famosa “arte de rotunda”.

Para os interessados, a festa de apresentação do livro (em que infelizmente não poderei comparecer) será no dia 17 de Março pelas 17h30, na Casa do Conto, Porto.

Vida no Campo - Álvaro Domingues

O formato, a paginação e a escolha de papel salientam o aspecto documental do livro.

pixels

Existem uns esporádicos problemas de arte-finalização, mas nada muito grave e em imagens menos importantes. Neste caso nota-se o efeito “pixelado” de uma fotografia com pouca resolução (é difícil ver o problema com imagens deste tamanho mas tentei acentuar o sharpen para torná-lo mais visível).

Vida no Campo - Álvaro Domingues

Num trabalho desta natureza é impossível não observar também o abandono rural em Portugal.

Sobre contextofotografico

Falar a apreciar fotografia em português.
Esta entrada foi publicada em fotógrafos portugueses, Livros com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s